83 3246-4768

Fique Ligado

Tontura durante os treinos

Tontura durante os treinos
Por Pablo Norte 

Muitas pessoas já se sentiram com o corpo mole, visão escurecendo e com um mal-estar... São sintomas da tontura ou vertigem que podem ocorrer por diversos fatores. Na maior parte das vezes, a tontura está associada há uma crise de pressão baixa, ou porque o paciente não se alimentou de maneira inadequada, ou porque está desidratada, ou porque é uma mulher em período menstrual, ou porque existe um histórico de hipotensão mesmo de causa conhecida ou não.

Durante a prática de atividade física, caso você não esteja exagerando na intensidade dos exercícios progredindo para um "overtraining", a tontura pode ser decorrente de hipoglicemia (baixo nível de açúcar sanguíneo). Para treinarmos, necessitamos de energia. Caso estejamos em jejum prolongado por mais de 5 horas ou não estejamos realizando uma dieta adequada e equilibrada, ao iniciarmos o treinamento iremos quebrar os níveis de energia do organismo, que são refletidos na quantidade de glicose circulante no sangue. Quando esta quantidade baixa além do nível normal, entramos em um estado de hipoglicemia e as reações do organismo a este estado são mal estar, tontura, suor frio e hipotensão. Tudo isso ocorre por não haver energia necessária para a execução do esforço, ou seja, o organismo está trabalhando no vermelho e sinalizando para você interromper o processo.

Quando você está na esteira ergométrica e sente alguma tontura, é normal, isso se dá porque o equipamento, diminui o impacto em até 30%, isso faz com que os órgãos sensoriais comandados pelo labirinto trabalhem com uma informação como se o indivíduo pesasse menos. Além disso, nesse momento, é quando o corpo reorganiza o aporte sanguíneo e isso pode provocar uma tonteira momentânea sem maiores complicações.

*Pablo Norte é Nutricionista Esportivo e Educador Físico e atua no departamento de nutrição da Korpus.
Compartilhe no Facebook